Análise de Indisponibilidades para Otimização de Conversão

 


Otimização de Conversão Let's Book 

 

  

 

O Lets Book é o e-commerce da Pmweb, desenvolvido especialmente para o setor hoteleiro e totalmente voltado para a conversão. É uma solução que vai além de gerar vendas de reservas, vouchers e experiências, mas também consolida o relacionamento com seu cliente.

 

Além de ser uma plataforma que prioriza a experiência do usuário, e que possibilita ativar diversas estratégias de venda, o Let’s Book também permite um acompanhamento da Performance das Vendas em tempo real e uma leitura das oportunidades de Otimização de Conversão de forma assertiva através dos relatórios disponíveis. Assim, os indicadores podem ser acompanhados na ferramenta a qualquer momento pelo time do hotel, os apoiando na rápida tomada de decisão frente às oportunidades.
 
A seguir vamos abordar algumas oportunidades de otimização que poderão observar em seu e-commerce através do Relatório de Conversão do Let’s Book. 

 

 

Análise de Indisponibilidades



Quando pensamos na otimização de conversão, além do planejamento de ações estratégicas, que irão gerar tráfego ao site e motor de reservas, é importante levar em conta que barreiras podem ser encontradas no momento da conversão dependendo do período de busca do cliente, uma dessas barreiras são as indisponibilidades

 

As indisponibilidades podem ser apontadas por: 

 

  • Inventário indisponível no motor de reservas;

  • Restrição de número de noites;

  • Restrições de CTA (Fechado para chegada) e CTD (Fechado para saída) em determinadas datas;

  • Pacotes especiais que fecham em determinadas datas;

  • Inventário esgotado;

  • Hotel fechado para eventos.

 

Por isso, é essencial um acompanhamento das datas que estão mais registrando indisponibilidades, para entender se oportunidades podem estar sendo perdidas por conta deste fator. 

 

Esse acompanhamento pode ser realizado através do Relatório de Conversão, como mostramos abaixo: 

 

 

 

Esse acompanhamento pode ser realizado pelo hotel na frequência desejada, já que os dados estão disponibilizados na ferramenta. 

 

Por exemplo: Pode ser realizado um acompanhamento semanal, quinzenal, mensal, ou outro.  

 

Basta acessar o Relatório de Conversão e definir:

 

  • Se deseja analisar todos os hotéis, um determinado destino ou um determinado hotel; 

  • Período a ser analisado;

  • Tipo de data (Consulta x Check-in x Check-out);

  • Device (Desktop x Mobile);

  • Canal (Online x Central de Reservas/Revendedores).

 

 

 

 

Após clicar no botão “Atualizar” serão apresentados os indicadores referentes aos filtros realizados. 

 

Um dos principais indicadores apresentados será o de Indisponibilidades. Ao clicar acima desse dado o sistema irá apresentar logo abaixo o mapa de calor das indisponibilidades ao qual poderão ser identificadas as principais datas que vem registrando essa barreira de conversão. 

 

 

 

Quanto mais indisponibilidades geradas em determinada data, mais forte será o tom de azul apresentado no mapa de calor. Ao aproximar o cursor do mouse sobre esses pontos, poderá visualizar detalhadamente a data e volume de indisponibilidades geradas naquela data, como no print abaixo: 

 

 

 

Assim poderão observar as principais datas que vem apresentando esse indicador, e analisar que tipo de situação pode estar ocorrendo através da opção "EXPORTAR", que irá gerar uma planilha excel que permitirá uma visualização otimizada das motivações pelo qual as indisponibilidades apontadas ocorreram, se foram por falta de allotment ou por conta de restrições, além de apresentar mais detalhes conforme sinalizamos logo abaixo: 

 

 

 

 

  • Código Hotel: Código do hotel no motor de reservas.

  • Nome Hotel: Nome da cada hotel ativo no motor de reservas conforme indisponibilidade apontada. 

  • Consulta: Data em que o hóspede realizou a busca.

  • Check-in: Data de check-in da busca realizada pelo hóspede.

  • Check-out: Data de check-out da busca realizada pelo hóspede.

  • Canal: Em qual device a indisponibilidade foi registrada. 

  • RNs: Número de pernoites da busca realizada (considerando as datas de check-in e check out da busca).

  • AM: Antecedência Média da busca. 

  • Indisponibilidades: Volume de indisponibilidades geradas a partir da busca por este período.

  • Indisponibilidades falta allotment: Volume de vezes que foi apontada indisponibilidade por falta de allotment para o período naquele dia. 

  • Indisponibilidades por restrição: Volume de vezes que foi apontada algum tipo de indisponibilidade por restrição para o período naquele dia. A restrição pode ser mínimo de noites, CTA, CTD, alguma outra restrição configurada nas flutuações. 

 

Após essa análise, o hotel poderá avaliar a possibilidade de incluir maior volume de allotment ou até mesmo flexibilizar algum tipo de restrição existente na data, a fim de estimular mais a venda nestas datas. 

 

Reforçamos que essa é uma sugestão, e que a aplicação de alterações na estratégia irá depender da realidade de cada hotel e situação das vendas em cada data, ao qual poderão avaliar individualmente o que faz mais sentido para o negócio naquele momento. 

 

Por exemplo: Uma data está apresentando grande volume de indisponibilidades, analisando a planilha ao exportar notamos que as indisponibilidades estão sendo geradas  pois os usuários estão buscando por 2 RNs, porém no calendário de allotment observamos que existe um mínimo de 4 noites para check-in no período e ainda existe um grande volume de inventário disponível. 

 

Vale avaliar então

  • A antecedência média de compra do hotel;
  • Se o volume de reservas para a data estão mais tímidos; 
  • Se para o hotel faz sentido naquele momento reduzir o mínimo de noites para incentivar a conversão dessas buscas que estão ocorrendo com mínimo de noites menores.

 

É possível também ter uma visão mais ampla com relação a picos de indisponibilidades apontadas no e-commerce através de gráficos apresentados, como no print abaixo: 

 

 

 

Assim, em um acompanhamento frente ao cenário do momento atual, é possível que o hotel possa visualizar se a curva de indisponibilidades tem aumentado, reduzido ou se mantido. Assim é interessante entender o que pode estar provocando esses picos como, por exemplo:  Houve algum tipo de divulgação ou comunicação voltada a determinada data e os clientes  não estão encontrando mais disponibilidade ou estão tentando reduzir o mínimo de noites da busca?

 

Outra forma de observar de forma mais macro qual o principal motivo das indisponibilidades geradas em determinado período, é através do Dashboard Resumo por Hotel. Basta clicar no ícone como mostrado no print abaixo, e selecionar visualizar o % de indisponibilidades por allotment e o % de indisponibilidades por restrição.  

 

 

Assim serão apresentadas duas colunas com o percentual, evidenciando qual o principal motivo de indisponibilidades por hotel, que servirá de insumo também para o acompanhamento periódico desse indicador.

 

 

 Acesse também o tutorial completo do Relatório de Conversão

Para saber mais sobre o Relatório Performance de Vendas acesse aqui.

 

 

Não encontrou o que procurava?

Procurando por algo em específico? Navegue pelos diretórios e categorias e você encontrará o que busca.

Contato